Em testes o Snapdragon 810 aqueceu menos que o Snadragon 801

Gostou ? Compartilhe !!!Tweet about this on TwitterShare on RedditShare on LinkedInPin on PinterestShare on Facebook




Ao que parece estamos começando a descobrir que os problemas de aquecimento excessivo do Snadragon 810 no Galaxy S6 podem não ser do processador e sim talvez de um projeto errado da Samsung.

Estamos falando isto porque foi publicado pelo pessoal do PhoneArena um teste que demonstra que o processador não roda tão quente assim quanto o pessoal da Samsung teima em afirmar.

O processador que tem um rendimento muito melhor, usa menos energia quando comparado com o processador Snapdragon 801 roda muito mais tranquilamente e menos aquecido.

A maioria dos dispositivos tem controles de temperatura ( nível de kernel ) que diminuem um pouco o rendimento do aparelho para que ele seja mantido até no máximo 45 graus Celsius.

No Brasil os nossos ficam sempre um pouco mais aquecidos porque nossa temperatura ambiente é sempre maior que os 25 graus que as pessoas de fora estão acostumadas, portanto, se lá fora eles tem variações de 25 a 45 graus Celsius, garantidamente os nossos acabam alcançando até 50 graus Celsius sem muito esforço.

Para quem não sabe o Snapdragon 801 foi um chip utilizado em dispositivos de ponta em 2014 como o Samsung Galaxy S5 e o HTC One (M8). O aquecimento deste processador jogando o Asphalt 8 bateu esta marca com 20 minutos de jogo. Em compensação, em um aparelho não comercial o Snapdragon 810 mostrou uma temperatura 5 graus mais baixa.

Comportamento do Snadragon 810 e do Snadragon 801 durante o jogo

Comportamento do Snadragon 810 e do Snadragon 801 durante o jogo

E a coisa vai mais além. Quando se mede a temperatura de ambos os processadores durante a captura de vídeos o Snapdragon 810 se mostra muito mais frio o que significa que o processador tem um melhor desempenho e portanto, aumenta a vida útil da bateria.

Comportamento do Snadragon 810 e do Snadragon 801 durante a captura de vídeo

Comportamento do Snadragon 810 e do Snadragon 801 durante a captura de vídeo

O chip que já foi chamado pela LG com um dos processadores mais legais que eles já testaram alimentará pelo menos dois dos grandes dispositivos que teremos durante este ano que são o HTC One (M8) e o LG G4.

Uma das coisas mais certas que temos com este volume novo de informações é que a Samsung talvez ou tenha errado no seu projeto ou tenha um smartphone ou até, um Android muito mais gordo do que achamos e, no fim, toda a promessa de ter feito uma limpa no TouchWiz pode não ser bem uma realidade.

Via STJS Gadgets / PhoneArena