O drive DRM do Samsung Exynos vai chegar no Linux 4.3

Gostou ? Compartilhe !!!Tweet about this on TwitterShare on RedditShare on LinkedInPin on PinterestShare on Facebook




Novidades interessantes para quem tem smartphones Samsung e gosta de modificações. Como sabemos que o Exynos da Samsung tende a não ter o código aberto a inclusão de partes do códigos da fabricante direto na árvore do kernel pode ser interessante para os desenvolvedores independentes que ainda se aventuram na labuta de criar kernels para dispositivos deste fabricante.

Há uma requisição para a inclusão do driver DRM do Exynos na versão 4.3 do kernel do Linux.

O foco principal desta solicitação é terminar e habilitar o modo atômico de configuração  para este driver de vídeo do processador Samsung Exynos ARM.

Este pedido permite que o modo atômico de configuração , adiciona suporte assícrono a commits ,  suporte render-node e ainda finaliza o suporte a page-flipping.

Os mais desavisados podem estar se perguntando o porque uma notícia sobre o kernel do Linux é importante para quem é usuário Android.

Simplesmente porque o kernel do Android é uma versão do kernel Linux e,como eu já comentei, quanto mais coisas estiverem na árvore oficial do kernel, mais fácil fica para se criar kernels modificados para estes dispositivos.

Assim, a versão 4.3 do kernel do Linux será muito interessante para todos os usuários dos processadores Exynos e portanto, todos os usuários dos dispositivos Samsung podem ficar felizes com esta inclusão na árvore oficial.

Quem estava sentindo saudade deste tipo de notícia iremos voltar a publicar por aqui algumas coisas sobre o Kernel do Linux e kernels que estejam disponíveis para algumas versões do Android também.

Via Phoronix