Os bootloops do LG V10 e do LG G4 resultam em um processo

Gostou ? Compartilhe !!!Tweet about this on TwitterShare on RedditShare on LinkedInPin on PinterestShare on Facebook




Uma ação coletiva foi iniciada  contra a LG em relação aos problemas de bootloop que afetam o LG G4 e o LG V10. Os bootloops do LG G4 apareceram aqui no blog , com a LG admitindo a falha pois havia um contato frouxo entre os componentes e prometia resolver o problema nos dispositivos afetados.

O problema é que após este problema algumas unidades do V10 também apresentaram o mesmo problema e alguns proprietários não ficaram lá muito felizes com as respostas.

Embora a LG tenha substituído muitos dispositivos LG G4 devido aos bootloops aqueles que os receberam após algum tempo acabaram sendo vítimas do mesmo problema algum tempo depois.

E mesmo tendo assumido que havia resolvido o problema e o descoberto muitos usuários continuaram a ter o mesmo problema, o bootloop, somado a outros como congelamentos e reinícios aleatórios.

E os mesmos problemas acabaram afetando unidades do LG V10 e os demandantes do processo afirmaram que ambos os dispositivos tinham partes com soldas feitas de modo não muito correto ( diga-se de passagem, como já falei aqui, isto é meio que um padrão da LG ).

A história foi acompanhada por todos os grandes sites da internet, como o Android Authority, nós aqui também e mesmo que tenha acontecido com muitos dispositivos, estatisticamente o problema não pode ser considerado uma falha enorme nos dispositivos LG G4, V10 ou até o V20 ( que também teve relatos ).

Houve um problema parecido com o Nexus 5X e neste caso, a LG devolveu o dinheiro a todos os donos dos dispositivos sem muita conversa.

A ação busca indenização ara os proprietários dos dispositivos da LG que, ficam inoperáveis e impróprios para o uso ( não sei porque, mas eu sei o que estes caras passaram, já que meu LG G2 só me deu dor de cabeça desde que o comprei ).

A ação alega que a LG se beneficiou de um enriquecimento injusto, violou o comércio justo e quebrou várias leis de garantia.

Além disto o processo visa uma ordem judicial para forçar a LG a implementar um programa mais abrangente para identificar e reparar todos os dispositivos LG com este problema de bootloop e logicamente, oferecer uma solução aos clientes afetados.

O grande problema é que se a LG seguir o padrão que segue aqui no Brasil no mundo inteiro, ela jogará toda a culpa para o cliente. Para terem idéia desde que comprei meu LG G2 ele teve 3 trocas de tela pelo mesmo defeito ( conhecido no mundo inteiro ) e a empresa aqui, só soube dizer que como estava fora da garantia, o problema era meu e a tela era R$600,00.

Resumidamente eu tenho certeza que os donos destes dispositivos LG tiveram problemas mesmo pois a durabilidade dos dispositivos LG é péssima mas, o problema será eles realmente conseguirem que a empresa assuma sua responsabilidade.

Ao contrário da Samsung, que no caso do Note 7 se mostrou muito aberta a discutir suas falhas a LG não é este tipo de empresa.

Via Android Authority