Lineage OS

Build não oficial da Lineage 14.1 chega para o Essential Phone




O Essential Phone meio que veio para dar uma modificada no mercado Android que andava bem chato e padrão. E o telefone é bem movimentado pois já teve reduções de preços, OTAs que vieram para modificar um pouco a experiência geral do usuário e acabaram colocando o telefone com um preço de US$499 que o coloca competindo diretamente com empresas como Xiaomi e Oneplus ( anteriormente o telefone tinha o preço de US$699 ).

E o preço mais baixo acaba por também colocar o mesmo na mão de desenvolvedores aumentando com toda certeza o número de modificações para o mesmo.

E depois que o root do telefone já foi disponibilizado, parece que o Essential Phone já tem agora sua primeira ROM, uma LineageOS 14.1.

As builds do LineageOS para o Essential Phone ( codionome mata ) vieram do desenvolvedor invisiblek do XDA que acabou soltando a ROM com algumas observações.

Como vemos na família Pixel do Google , o Xiaomi MI A1 e o Moto Z2 Force, o Essential PH-1 usa o sistema de particionamento A/B para atualizações contínuas.

A ROM em si funciona numa boa para o dia a dia mas, algumas coisas como a instalação do Gapps podem precisar de alguns procedimentos um pouco mais chatos.

A ROM ao que parece funciona corretamente no smartphone com Wi-FI e RIL rodando sem problema nenhum e inclusive é possível usar o aplicativo de câmera padrão do Essential para obter uma experiência parecida com a ROM original.

O recomendado inclusive é usar a porta do GOogle Camera HDR+ para ter uma qualidade superior.

Caso você tenha um Essential Phone ( algum brasileiro comprou ele ? ) é só ir ao tópico ( aqui ) e fazer flash no seu dispositivo.

Lembre-se que caso seja a sua primeira vez que vá manipular um telefone com particionamento A/B, leia e releia as instruções antes de fazer qualquer coisa.

Só depois com toda certeza faça os procedimentos.




Recomendados Para Você:

Sobre o autor

ataliba

Pai, marido, e analista de Sistemas que nos últimos anos se especializou em Linux e Unix e adora redes. Por este motivo celulares se tornaram seus grandes companheiros e no Android achou a mesma facilidade de personalização que tinha nos Linuxes.
A partir daí desenvolveu grande paixão pelo sistema operacional e é sobre isto que falará aqui.

Busca

Que tal nos acompanhar via Telegram ?

Acompanhe nosso blog via Telegram
Que tal nos acompanhar via Telegram ? Asssine o nosso canal e receba nosso conteúdo automaticamente no seu smartphone.

/* ]]> */