Falhas de Segurança

O Twitter removeu mais de 143000 apps do seu serviço

Após alguns meses sem nenhuma atualização o blog está voltando a ativa. Sim, eu voltei. E desta vez não é rebate falso igual foi das últimas vezes.

O Twitter anunciou na terça-feira que removeu por volta de 143 mil aplicativos do seu serviço desde abril em uma nova iniciativa de tentar reprimir problemas relacionados a atividades maliciosas no seu ecossistema.

 

E o que eles fizeram foi focar em aplicativos que utilizavam sua API para permitir que desenvolvedores automatizassem as interações com a plataforma ( ou seja, postagem de tweets, o que, por sinal gerará alguns problemas para quem usa a plataforma de forma mais profissional ).

Mas isto tudo é relacionado a questões de spam e abuso pois sempre temos um número bem grande de bots na plataforma que podem gerar mais notoriedade da tópicos específicos e até, promover abusos como fake news e racismo.

“Estamos comprometidos em fornecer um acesso a nossa plataforma para desenvolvedores cujos produtos e serviços tornem o Twitter um lugar melhor”, disse Rob Johnson, que é diretor Sênior de produtos do Twitter.
“No entanto, reconhecendo os desafios enfrentados pelo Twitter e pelo seu público – que vai desde spam e automação maliciosa e invasões de privacidade – estamos tomando alguns passos adicionais para que nossa plataforma de desenvolvimento não cause problemas a saúde geral da comunidade do Twitter.

De acordo com eles os aplicativos removidos estavams violando seus termos de uso, mas … ao mesmo tempo não listam nem dão os motivos para a exclusão de cada um deles ( apesar de, no fundo, eles não serem realmente forçados a fazê-lo ).

Eles dizem que não irão tolear mais o uso de suas APIs para produzir spams, manipular conversas ou invadir a privacidade de pessoas que usam o Twitter.

“Continuamos a investir na produção de ferramentas e processo aprimorados que irão nos ajudar a bloquear aplicativos mal-inrtencionados com mais rapidez e eficiência”.

Limpar o Twitter, e qualquer rede social, é uma tarefa bem difícil, mas, agora eles deram um passo bem interessante. Agora o seu novo processo para integração com sua API força os desenvolvedores a apresentar detalhes de como eles usarão a integração com sua API.

“A partir de hoje qualquer pessoa que deseje acessar as APIs do Twitter deverá solicitar uma conta de desenvolvedor usando o novo portal developer.twitter.com . Depois que sua inscrição for aprovada você poderá criar novos aplicativos e gerenciar os aplicativos existentes no portal developer.twitter.com . Os aplicativos já existentes podem ser gerenciados em apps.twitter.com”, continua Johnson.

“Estamos empenhados em apoiar todos os desenvolvedores que desejem criar experiências de alta qualidade utilizando nossa pataforma e APIs desde que estejam em conformidade com nossos termos de uso, reduzindo o impacto com ações maliciosas em nossoa serviço”.

Mas mesmo com diversos aplicativos que usam a automação de forma maliciosa, ela também funciona com outros tipos de coisas. O IFTTT por exemplo é um deles, onde podemos automatizar mutos dos nossos processos de forma não maliciosa e também, temos aplicativos que mandam alertas de emergência ou até, acessos maliciosos na sua conta.

O Twitter também anunciou a introdução de novos limites nos aplicativos padrões para o método POST que é uma forma bem interessante para evitar o spam na plataforma.

“Juntamente com as alterações no processo de inscrição na conta de desenvolvedor estamos introduzindo novos limites no uso do método POST e um novo processo para os desenvolvedores conseguirem privilégios para postagem de alto volume. Estas mudanças irão ajudar a combater ações de spam no Twitter usando nossas APIs e permitirão que sejam criadas ou aumentados os processo de um app ou negócio em uma escala maior”.

Uma ação legal e interessante de uma rede social que sempre foi mais inteligente que o Facebook que contrata agência de mapeamento de fake news totalmente partidárias. Esperemos que o Twitter continue mais inteligente que o Facebook neste ponto.

 

Imagem via Softpedia / Notícia via Security Affairs

Recomendados Para Você:

Sobre o autor

ataliba

Pai, marido, e analista de Sistemas que nos últimos anos se especializou em Linux e Unix e adora redes. Por este motivo celulares se tornaram seus grandes companheiros e no Android achou a mesma facilidade de personalização que tinha nos Linuxes.
A partir daí desenvolveu grande paixão pelo sistema operacional e é sobre isto que falará aqui.

Siga-nos nas Redes Sociais

Busca




Que tal nos acompanhar via Sparkle ?

Acompanhe nosso blog via Sparkle
Que tal nos acompanhar via Sparkle ? Asssine nossa trilha e receba nosso conteúdo automaticamente no seu smartphone.

/* ]]> */